30 agosto 2011

Resenha Skinned

Postado por lilian alipio às terça-feira, agosto 30, 2011 5 comentários Links para esta postagem

Lia Kahn era perfeita: rica, bonita, popular. Até o acidente que quase a matou. Agora ela foi transferida para um novo corpo humano que só parece humano. Lia nunca sentirá dor novamente, ela nunca envelhecerá, e ela nunca verdadeiramente morrerá. Mas ela também está rejeitada por seus amigos, traída por seu namorado, e alienada de sua vida antiga. Forçada a margem da sociedade, Lia se junta a outros como ela. Mas eles são vistos como anormais. Eles são odiados... e temidos. Eles são tudo menos humanos, e de acordo com a maioria das pessoas, este é o último crime — pelo qual eles devem pagar o preço final.

O livro começa confuso lembranças de como foi o acidente misturadas com Lia ouvindo seu pai conversando com ela enquanto ela estava inconsciente,ela lembra de ouvir os médicos conversando mas não sabia o que estava acontecendo e não conseguia abrir os olhos, quando ela finalmente acordou ela não sentia seu corpo e também não sentia dor, a primeira coisa que ela viu foi o rosto de seus pai e sua mãe eles expressavam dor e horror ao mesmo, ela queria saber o que estava acontecendo e os médicos explicaram que ela sofreu um acidente de carro que corpo dela teve queimaduras de 3º grau em 70% do corpo dela, que eles tiveram que amputar uma perna e um braço e que ela não iria conseguir sobreviver nesse corpo e então os pais dela não queriam que ela morresse então os médicos copiaram as memórias do cérebro dela para um corpo que não era humano, apesar de ter todas as características é uma máquina que é programada para agir igual a nós,Lia não gosta da ideia ela preferia esta morta ao virar uma skinner.
Depois de um mês Lia aprendeu como seu novo corpo funcionava ela podia se molhar mas não tinha a necessidade de tomar banho por que seu corpo ficaria limpo sozinho, ela poderia correr,nadar e namorar mas ela tinha que ter alguns cuidados ela tem que comer para manter o corpo forte e fazer um backup de sua memória antes de "dormi".Quando Lia volta para casa ela não esperava enfrentar a fúria dos religiosos que estavam revoltados, para eles só Deus pode dá a vida para uma pessoa, e os skinners são só um bando de sucata andando por ai fingindo ser o que não é, na escola ela percebe que agora o mundo gira em torno de sua irmã Zoey, todos estão agindo de forma estranha e no fim ela percebe que para eles ela não é a Lia e sim uma máquina tentando substituir alguém que já morreu.Além de enfrentar a rejeição dos amigos Lia ainda tem que lidar com a terapia em grupo, ela e outros skinners vão conversar com a terapeuta e falar como se sentem no novo corpo, nesse grupo todos eles optaram por ficar num corpo mecânico e ela ficou se perguntando quem gostaria de ser uma aberração, para eles é fácil aceitar por que foi escolha deles mas ela não teve como escolher, e é nesse grupo que ela conhece Jude ele detesta os humanos acham que eles são fracos, já os skinners vão viver para sempre não envelhecem ele quer convencer Lia a larga a vida dela por que o passado não importa mais, que ela tem que parar de fingir que ela é a mesma Lia antes do acidente mas ela não quer acreditar nisso mesmo sabendo que nem sua irmã aceita o fato dela ser uma máquina e talvez até seus pais tenham se arrependido da escolha que fizeram.
No livro Lia vai sofrer muito preconceito ela perdeu tudo amigos, namorado e até a irmã que vive brigando com ela os pais dela fizeram uma escolha e ela que sofreu as consequências, o livro é bom mas não fala em que ano se passa a história, mas como o foco é Lia acho que a autora não achou necessário.
Espero que tenham gostado da resenha beijos até a próxima.

23 agosto 2011

Resenha Kiss of life

Postado por lilian alipio às terça-feira, agosto 23, 2011 5 comentários Links para esta postagem
O fenômeno que vem varrendo o país parece estar aqui para ficar. Não são apenas os adolescentes que têm de voltar de suas sepulturas ainda aqui, mas recém-mortos estão sendo descobertos o tempo todo. Enquanto os cientistas procuram respostas e os políticos tomam seu lugar, a população de mortos-vivos de Oakville se uniram em um grupo que está chamando os Filhos de Romero, na esperança de encontrar a solidariedade na segregação.

Phoebe Kendall pode estar viva, mas ela se sente tão perdida e sozinha como seus amigos mortos. Só quando ela reconciliou-se a ter sentimentos por um zumbi -na sua volta para casa encontra Tommy Williams - seu amigo Adam é assassinado a tomar uma bala que era para ela. As coisas ficam ainda mais confusas quando Adam volta do túmulo. Agora ela tem um interesse romântico em dois meninos mortos, aquele que salvou a vida dela e aquele que ela não consegue viver sem.

Depois que Adam levou um tiro para impedir que Peter atire em Phoebe ele acabou se tornando um zumbi ele nem chegou a entrar num caixão que nem diz sinopse ele morreu na hora e voltou a "viver" , Phoebe se sentiu culpada e ficou com raiva de Tommy por que  Peter queria atirar nele e se não fosse por Adam talvez ela estaria morta, finalmente Phoebe percebe que para Tommy ela era a menina que talvez poderia trazer ele de volta a vida com um beijo, mas todos os outros zumbis ainda o acham um herói.Peter foi levado a julgamento por "matar" Adam mas como ele não morreu não teria como acusar ele de assassinato o que uns acharam injusto e outros não, ainda não existe lei que proteja os zumbis se alguém tentar fazer algo contra eles no máximo a pessoa vai fazer algum trabalho voluntário e passar por avaliação psicológica, ao contrário de outros zumbis Adam não chegou a sofrer preconceito por que ele nasceu e cresceu naquela cidade mas muitos ainda acham que os zumbis voltaram a vida por vontade própria.No començo do livro mostra a dificuldade que Adam tem a se adaptar a nova vida a falta de cordenação motora, ele não consegue andar e nem falar mas Phoebe sabe que os zumbis que recebem amor dos pais e dos amigos conseguem voltar ao normal com mais facilidade, o padrasto de Adam parou de maltrata-lo e começou a chamar de filho mas seu meio irmão parece ser o único que não aceitou bem a situação,seu antigo treinador é a pessoa que mais vai ajudar a voltar ao normal.Tommy percebe que Phoebe não esta mais interessada nele então ele decide sair da cidade ele quer que o preconceito que os humanos tem em relação aos zumbis pare então ele vai viajar para conversar com algumas pessoas conhecer zumbis de outros estados e vai deixar Karen e Phoebe tomando conta do site que ele criou, vai pedir para que Adam cuide bem de Phoebe.Peter volta a se meter em confusão ele conheceu um grupo que esta cometendo crimes e colocando a culpa nos zumbis, eles abrem as tumbas dos mortos e matam animais indefesos dizendo que os zumbis estão se alimentando deles, vão fazer de tudo para que os zumbis não tenham espaço na sociedade.
Esse livro focou mais na recuperação de Adam e ainda no preconceito em relação aos zumbis,eu gostei do livro teve algumas pessoas que disseram que não deveria ter continuação mas seria injusto por que o primeiro livro não chegou a ter um final, o próximo livro vai ser contado pelo ponto de vista de Karen a história entre Adam, Phoebe e Tommy termina nesse livro talvez eles até apareçam no próximo livro mas o foco não vai ser o romance entre eles.

17 agosto 2011

Resenha Impecáveis

Postado por lilian alipio às quarta-feira, agosto 17, 2011 3 comentários Links para esta postagem

Sinopse - Impecáveis - Pretty Little Liars 2 - Sara Shepard

Spencer roubou o namorado de sua irmã. Aria ficou com o coração partido em relação ao seu professor de Inglês. Emily começou a gostar de sua nova amiga Maya. . . tanto quanto de seu amigo. A obsessão de Hanna pela aparência impecável está lhe fazendo mal. E seu segredos mais terríveis ainda é tão escandaloso que a verdade iria arruina-las para sempre.

Spencer continua se encontrando com o ex de sua irmã , seus pais cortaram sua mesada e ela continua recebendo mensagens da A.Aria esta muito chateada por que Enzra terminou com ela, seu pai voltou a se encontrar com a amante e para piorar o seu irmão agora sabe o por que do pai chegar tão tarde em casa e A esta chantagenado Aria dizendo que se ela não contar para a mãe que o pai dela tem uma amante ela mesma vai contar.Hanna voltou a provocar vômitos para emagrecer ela esta triste por que ela e Sean não estão mais juntos e agora ela tem que trabalhar na clínica do pai dele para pagar pelo carro que ela destruiu.Emily esta apaixonada por Maya mas seu ex namorado não gostou nada de flagra as duas aos beijos na cabine fotográfica e fica atormentando Emily, ela tenta esquecer Maya saindo com Toby mas nenhuma de suas amigas vê essa escolha com bons olhos.O pai de Hanna diz que vai tentar esta mais presente em sua vida e combina de levar ela a um restaurante que ela sempre teve vontade de ir mas ela recebe uma mensagem da A dizendo que seu ex esta com outra menina no baile da Foxy ela inventa uma desculpa para poder sair do jantar e flagra seu ex com outra só não esperava se surpreender e ao mesmo tempo se decepcionar quando descobre quem é a garota.

Nossa agora eu entendo o por que da série não ser fiel ao livro eu confesso que não gostei muito desse livro não que o livro seja ruim mas as coisas chatas que acontecem eu devo dizer que por enquanto a Hanna é a minha personagem preferida ela esta sofrendo em dobro ela vai ser traída nesse livro inúmeras vezes pelo pai,mãe,enteada e por uma pessoa que ela achava que era amiga.Aria vai começar a sair com alguém que não deveria  ela precisa de uma distração (no meu ponto de vista) para esquecer todos os problemas que esta passando eu perdi as contas de quantas vezes eu chamei ela de nomes horríveis quando eu terminei de ler o livro.Spencer achava que esta tudo as mil maravilhas mas ela vai cair do cavalo e de novo vai ser superada pela irmã Melissa.Emily esta confusa ela gosta de Maya mas também esta gostando de sair com Toby e esta com medo de que seu ex revele para todo mundo que ela estava beijando uma garota.
E no final do livro de novo tem uma mensagem da A e eu fico pensando o que essas meninas fizeram para essa pessoa ter tanto ódio delas.
Espero que tenham gostado da resenha beijos até a próxima.

13 agosto 2011

Resenha Inside Girl

Postado por lilian alipio às sábado, agosto 13, 2011 5 comentários Links para esta postagem

Sinopse - Inside Girl - J. Minter

Flan Flood podia reclamar de muitas coisas, menos de nunca ter ido às festas mais legais, vestido as roupas mais exclusivas, frequentado os colégios mais caros e conhecido os mais belos garotos. Mas agora ela se cansou de tudo isso e resolveu das uma guinada em sua vida - ela vai se matricular em uma escola pública e começar a levar uma vida de garota comum.

Flan Flood estava cansada de ser ofuscada pelo seus irmãos Patch e Fab até as colegas do colégio só falavam com ela para saber de seu irmão ou para pedir entradas VIP para alguma festa então Flan decidiu se matricular em uma escola pública que fica perto de sua casa, fazer novos amigos pessoas que queiram ser amiga dela de verdade sem nenhum interesse particular.
Quando ela chegou na escola achou estranho o fato de nem todos os alunos se conhecerem que nem era na sua antiga escola, no primeiro dia de aula Flan conhece Judith e Meredith e fica muito feliz de ter conhecido elas que começam a falar sobre como se conheceram onde moram e ficam animadas ao saber que Flan mora perto do colégio e querem visitá-la mas ela não pode levar ninguém para a sua casa por que sua amiga Sara Beth uma atriz famosa esta passando uns dias em casa fugindo dos paparazzis então todas as vezes que as meninas perguntam sobre a casa de Flan ela inventa uma desculpa para que elas não possam pensar em ir visita-la.Judith e Meredith começam a falar dos garotos bonitos da escola Eric que diz que ja viu vários famosos em algumas festas em que ele foi e Bennet que trabalha no jornal da escola, ele começa a se interessar por Flan e convida ela e suas amigas para uma festa na casa de um amigo, elas ficam empolgadas claro e Flan esta louca para saber como é uma festa que não tenha gente famosa, mas sua amiga Sara fica magoada ao saber que ela vai numa festa e não pensou em convida-la mas Flan promete que na próxima festa vai convidar a amiga.A festa foi boa mas quando Flan chega em casa vê que outras colegas de sua amiga Sara também quer passar uns dias em sua casa por que esta passando por problemas pessoais e a casa de Flan acaba ficando cheia demais por que as meninas conversam até tarde, brigam direto e não se dão conta de que ela tem que acorda cedo para ir estudar,os pais de Faln viajam direto então esse é o menor dos problemas, seus irmãos estão à semanas longe de casa e as vezes ela sente inveja de suas amigas do colégio por que elas tem pais presentes e uma vida normal.

Eu gostei do livro mas não gostei de algumas coisas a Flan por exemplo ela não sabe dizer não e fica o tempo todo tentando agradar todo mundo, ela deixa três meninas passarem uns dias na casa dela mesmo ela não querendo aceitar, os pais de Flan viajam direto os irmãos dela somem  por dias sem dá satisfações a ninguém e quando os pais dela voltam de viagem eles não ligam pelo fato dos filhos mais velhos ter deixado a filha mais nova sozinha dentro de casa, a autora no livro demonstrou o descaso dos pais com os filhos o mesmo com a amiga Sara que não mora com os pais e vive falando mal deles dizendo que eles só tem interesse pelo dinheiro dela, isso não significa que o livro seja ruim mas a autora errou em fazer isso talvez nos próximos livros os pais e os irmãos de Flan tenham uma participação maior.
espero que tenham gostado da resenha beijos até a próxima.



10 agosto 2011

Resenha Hearts at Stake

Postado por lilian alipio às quarta-feira, agosto 10, 2011 4 comentários Links para esta postagem
Sinopse:
Solange, e sua melhor amiga, Lucy, uma humana. Esse é outro livro no pântano de romances em que um caçador de vampiros descobre que nem todos os vampiros sãos maus assim floresce um amor proibido. Solange é a caçula e a única mulher de um clã de sangue azul. Quando se aproxima do seu 16º aniversário é perseguida por vampiros do sexo masculino. Uma antiga profetisa prevê que ela será uma rainha, pondo a vida dela em perigo por várias forças, humanas ou não. A família de Solange é treinada em artes marciais e outros estilos de luta e seus sete irmãos mais velhos a mantém sob vigilância constante. Quando a atual rainha a sequestra, Lucy convence o irmão de Solange, Nicholas a ajuda-la a resgatá-la, e segue uma busca frenética. Kieran, um jovem Helios-Ra, descobre que seu ódio por vampiros é alimentado por mentiras e ajuda a salvar Solange, e um romance se desenvolve entre os rivais Lucy e Nicholas.


Solange nasceu numa família com sete irmãos vampiros ela é a única em anos que nasceu com o gene vampiro  enquanto as outras mulheres foram transformadas, na família dela quando se aproximam do aniversário de dezesseis anos eles começam a passar pelo processo de transformação  mas para sobreviver a esse processo tem que beber sangue de vampiro e alguns não chegam a sobreviver, durante esse processo eles se sentem fracos dorme durante o dia e acordam de noite e é completamente normal eles começarem a atrair a atenção do sexo oposto e com Solange não é diferente ele vem recebendo flores e cartas de vampiros que estão interessados nela.Sua amiga Lucy é humana e todas as coisas que Solange aprendeu sobre vampiros ou artes marciais Lucy aprendeu também, apesar de ser humana eles conseguem conviver bem, a família de Solange bebe sangue de animais eles fizeram um pacto com os helios-ra, eles não caçariam vampiros da família Drake e os Drakes não iriam matar humanos para se alimentar, mas esse pacto foi quebrado quando um dos integrantes do helios-ra tentou capturar Solange os pais dela ficaram preocupados quando sabem que tem uma recompensa para quem conseguir capturar a filha deles e eles vão tentar descobrir quem esta por trás disso.
Então os setes irmãos de Solange e Lucy vão ficar em casa protegendo ela, Lucy quer fazer de tudo para proteger a amiga ela sabe muito bem que o processo de transformação é difícil ela viu o mesmo acontecer com os irmãos de Solange, Lucy não se dá muito bem com Nicholas eles vivem brigando desde o momento em que se conheceram mas as coisas começaram a ficar diferente entre os dois depois de toda essa confusão.

Eu criei muitas expectativas em relação a esse livro e acabou não sendo aquilo que eu esperava o livro é contado pelo ponto de vista de Solange e Lucy, no livro Solange vai receber vários presentes esquisitos até o coração de um gato como prova de amor, o livro todo ela vai esta fugindo se escondendo enquanto Lucy e Nicholas ficam em casa esperando um milagre cair do céu foi isso que me irritou no livro o romance que rola entre eles é artificial uma coisa forçada quase no final do livro que eles vão atrás de Solange  ao contrário de outros livros que já li onde os personagens não seguem as ordens e preferem seguir seus instintos nesse é diferente, o livro estava bom no começo mas depois a autora perdeu o foco e acabou estragando um pouco espero que melhore no próximo livro.

08 agosto 2011

Book Blogger Hop #1

Postado por lilian alipio às segunda-feira, agosto 08, 2011 4 comentários Links para esta postagem

É fato que a cada dia surgem mais e mais blogs de livros no Brasil e tem muito blogueiro bom por aí que não é conhecido. Inspiradas pelo Book Blogger Hop que a Jennifer criou no Crazy For Books, e do qual participamos na versão em inglês do site, nós decidimos montar uma versão brasileira. A ideia é mostrar a diversidade de blogs literários que temos no Brasil—e conhecer um pouquinho mais dos blogueiros também.

Qual é o principal ARC (prova de leitura) que você gostaria de ter em mãos neste momento?The Power of Six a continuação do Eu sou o número quatro esse livro vai ser pelo ponto de vista na número sete o que me deixou surpresa.

02 agosto 2011

Resenha Penelope

Postado por lilian alipio às terça-feira, agosto 02, 2011 2 comentários Links para esta postagem

Sinopse - Penelope - Marilyn Kaye
Em um conto de fadas moderno, nós conhecemos Penelope, uma jovem de 25 anos que passou a vida inteira presa em sua própria casa, vítima de uma antiga maldição. Para se livrar do focinho de porco que cresce no lugar do seu nariz, ela precisa encontrar alguém que a ame mesmo com esse "pequeno" problema

Penelope - Marilyn Kaye

Tudo começou quando o Tataravô de penélope se apaixonou por Clara a cozinheira da casa onde ele morava e ela acabou engravidando ele queria casar com ela mas a família não permitiu então ele teve que se casar com outra mulher,então Clara se jogou de um penhasco, para vingar a morte da filha a bruxa da cidade jogou uma maldição na família dele " a próxima menina que nascer vai ter orelhas e focinho de porco". Depois de 150 anos ninguém mais acreditava que essa maldição fosse verdade todas as mulheres da família tiveram filhos homens só uma teve uma menina mas ela não tinha a maldição então os pais de Penelope ficaram surpresos quando a menina nasceu com a maldição da bruxa, eles tentaram fazer cirurgia plástica na menina mas não era possível por que a cirurgia poderia matar a menina, mas a maldição poderia ser desfeita se alguém de sangue azul aceitasse e amasse Penelope do jeito que ela é com focinho e tudo.E  então a mãe dela achou que se ela casar com alguém de sangue azul a maldição seria desfeita e a sua filha poderia finalmente ser normal, mas um dos médicos que viu Penelope nascer contou a um jornalista sobre uma menina que nasceu com cara de porco e ele ficou perseguindo a mãe de Penelope para ver se conseguia uma foto mas ela para proteger a filha bateu nele e ele ficou cego de um olho e para eviatar que isso aconteça de novo ela fingiu que a filha morreu para que todos a deixassem em paz.
Por causa disso Penelope cresceu sem ter amigos ela brincava sozinha no quarto sempre teve todos os brinquedos que queria mas não saia de casa, o tempo passou e ela cresceu e então a mãe dela contratou uma agente de relacionamentos para arrumar uma marido para sua filha e ela fez com que essa mulher assinasse um contrato para que ela jamais fale de sua filha para nenhum jornalista.Então elas começaram a selecionar pretendentes para se casar com Penelope sem sucesso por que toda vez que eles olhavam para o rosto dela eles iam embora apavorados mas eles sempre tinham que assinar o mesmo contrato jurando que não iriam falar de Penelope para ninguém.Mas a mãe de Penelope não vai conseguir fazer com que Edward assine o contrato e ele vai falar com o mesmo jornalista que a anos esta atras da menina que tinha focinho de porco, o jornalista queria uma foto da menina para comprovar que ela existe de verdade mas Edward  não quer voltar esta com medo da menina e então eles contratam um rapaz para tirar as fotos para eles, ele vai fingir ser um dos pretendentes de Penelope.
Penelope estava cansada de tanto encontros cansativos com essa bando de rapazes mimados e esnobes que sua mãe arruma e então decidiu reunir todos de uma vez só e assim que ela aparecer ela sabe que todos vão embora e isso vai economizar o tempo e a paciência dela, e como ela imaginou assim que ele apareceu todos foram embora menos Max Campion,Penelope ficou surpresa e ao mesmo tempo feliz e sempre que eles se encontravam ela ficava escondida falando ao microfone, jogando xadrez com ele, eles pareciam esta se dando bem até o momento em que ele a viu, ele não fugiu mas ficou parado olhando, ela falou da maldição que precisava casar com alguém de sangue azul para voltar a ter um rosto normal mas ele vai embora dizendo que não seria capaz de quebrar a maldição.Penelope viu estava perdendo seu tempo achando que alguém iria aceitar ela então foi embora de casa para tentar ser livre e viver a vida que sempre sonhou.

Eu gostei muito do livro eu tinha assistido o filme antes e resolvi ler para ver se tinha sido fiel,eu fiqui com muita dó da Penelope por que ela é sozinha não tem amigos e com muita raiva da mãe dela que não aceita a filha com o focinho de porco ela também tem orelhas de porco mas ela consegue esconder com o cabelo, o pai de Penelope se sente culpado mas ele não tem preconceito com a filha e sempre fala para ela fazer aquilo que a faz feliz, a Mãe de Penelope fica brava toda vez que ela mostra seu rosto para algum pretendente acha que ela tem que fazer isso depois de muito encontros para que ele se acostume.Edward é um menino mimado que nem mesmo Penelope suporta ele chegou a dizer que ela é um monstro e chegou a pensar que ela iria comer ele vivo,Max na verdade não dava para sentir raiva dele por que ele tinha seus motivos para não poder se casar com Penelope ele diferente da maioria dos contos de fadas não era um principe muito menos perfeito ele é viciado em jogo e virava a noite jogando.
Espero que tenham gostado da resenha até a próxima
 

Drama Queen Copyright © 2010 Designed by Ipietoon Blogger Template Sponsored by Online Shop Vector by Artshare